Notícias

Presidente da Abit conversa com diretores do Sintex

O presidente da Abit - Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção, Fernando Pimentel participou da reunião de Diretoria do Sintex, nesta terça-feira, dia 01. Em pauta, a atual conjuntura do segmento no Brasil. Ele apresentou o cenário geral de matérias-prima, insumos, pressão de custos, uma possível retomada e a questão do algodão no Brasil e no mundo.

“Ligar uma economia que não vinha bem, para religar com tantas variáveis influenciando, é algo que demora para reequilibrar o sistema. A ponta consumidora não vai chancelar todos os reajustes, ela está empobrecida e muito dependente do auxílio emergencial”, comentou o presidente da Abit. Para o presidente do Sintex, José Altino Comper, a orientação é que quem puder segure os repasses de custos.

Sobre alguns dados positivos recentes, Pimentel ainda se mostra cauteloso. “Alguns segmentos sinalizam para a retomada e expectativas sugerem um Natal próximo ao registrado em 2019, mas tudo vai depender da evolução da própria Covid-19”, afirmou. “Os shoppings estão abertos, mas não estão ‘bombando’, alertou. Para Pimentel, é preciso um olhar racional sobre um novo ponto de equilíbrio, em um cenário com uma possível alta no desemprego, por exemplo. “Estamos em uma recessão”, destacou, acrescentando que “vamos chegar ao fim deste ano 5% mais pobres em termos de PIB”.

Qual a solução? Para o presidente da Abit é “trabalhar, trabalhar, trabalhar”.

Pimentel também falou sobre projetos de reforma tributária, desoneração da folha de pagamentos, reforma administrativa, entre outros temas de interesse da indústria têxtil.



Compartilhe:

<< Voltar