Empresários e trabalhadores iniciam negociação do piso regional para 2019

O diretor executivo do Sintex, Renato Valim, participou junto com outras entidades representativas, da primeira reunião de negociação para o estabelecimento dos valores do piso mínimo regional de Santa Catarina para o próximo ano.

Diretores de federações empresariais, de trabalhadores e de centrais sindicais reuniram-se na sede da Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC), nesta segunda (10), para iniciar as negociações dos valores do piso mínimo regional de Santa Catarina para 2019. Criado por lei estadual em 2009 para entrar em vigor em 2010, o piso salarial catarinense se diferencia dos demais praticados no Brasil pela negociação direta entre as entidades representativas de empregadores e trabalhadores. Desde a origem do instrumento, os valores estabelecidos em negociação entre as duas partes são transformados em projeto de lei pelo governo do Estado e submetidos à Assembleia Legislativa, tendo sido aprovado por unanimidade em todas as edições.

No primeiro encontro para a discussão das faixas de valores do piso para 2019, os dois lados apresentaram suas expectativas em relação ao desempenho da economia para 2019. Uma nova rodada de negociações foi marcada para o dia 15 de janeiro.

(Com informações da Fiesc / Foto: Filipe Scotti)